01 maio 2018

Rebelião na cadeia de Engenheiro Beltrão é contida pela Polícia

A rebelião teve início após uma tentativa de fuga de um dos detentos que acabou sendo impedido de ganhar a liberdade quando um dos agentes da cadeia percebeu a ação. O preso teria tentado render um agente, mas foi impedido por outro policial que estava no local. Os outros presos se rebelaram a atearam fogo em colchões. O caso foi registrado durante a tarde desta segunda-feira (30).


Um caminhão pipa foi acionado para conter o fogo, que foi apagado antes que ganhasse maiores proporções.

Equipes da Polícia Militar de Engenheiro Beltrão, Quinta do Sol e Campo Mourão – Rotam – foram deslocados para a Delegacia para controlar a situação e retirar os presos das celas para que fosse feita a vistoria no local. A situação foi rapidamente controlada e não teve informações de feridos.

A carceragem da Delegacia de Engenheiro Beltrão conta com cerca de 61 detentos, mas a capacidade, segundo informações, é para 12.

Coluna do Rato

Nenhum comentário:

Postar um comentário