22 maio 2018

Benzedor é preso após tentar sexo oral com rapaz no patrimônio Guarani em Mamborê

No início da noite do último domingo dia 20, sendo por volta das 21 horas, a equipe da Polícia Militar de Mamborê foi procurada pela pessoa de C.F.D.L., morador do patrimônio Guarani,  o qual informou que seu enteado identificado como J.D.N.A.S., teria sido vítima de abuso sexual, o mesmo estaria nervoso estava querendo ir até a casa do agressor para se vingar.


De imediato a equipe policial se deslocou ao endereço da vítima, onde estavam um grupo de pessoas totalmente agitado, a equipe orientou os mesmo das consequências caso fossem tomar a justiça pelas próprias mãos, o grupo ouviu a equipe policial e não prosseguiu no plano de justiça com as próprias mãos.

A vítima  J.D.N.A.S. informou que teria ido à casa da pessoa de J. conhecido como G. onde segundo informações o mesmo era benzedor, ao chegar lá junto com sua mãe e seu padrasto, o tal benzedor falou que o mesmo entrasse em um quarto e pediu que o mesmo tirasse a roupa, o mesmo questionou o porquê de tirar a roupa, o citado benzedor falou que iria passar um óleo para trancar o corpo do mesmo.

Em seguida saiu, porém não demorou muito adentrou o quarto de novo e começou a fazer o benzimento, o benzedor pediu  para que J.D.N.A.S.  ficasse de olhos fechados e começou tocando na cabeça no corpo e de repente a vítima percebeu que J. levou a boca em seu órgão genital, momento este em que a vítima empurrou J. e vestiu as roupas e saiu nervoso do local.

A mãe da vítima percebeu e perguntou o que havia acontecido, quando o mesmo relatou para sua mãe o que aconteceu ela foi para casa para se armar e voltar para pegar o benzedor, porém seu padrasto procurou a equipe policial, onde diante dos fatos o suspeito pelo crime e foi preso e junto com a vítima encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Mamborê para os procedimentos cabíveis.



Nenhum comentário:

Postar um comentário